sábado, 10 de agosto de 2013

MAIS CUIDADO COM OS ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO-ESTEROIDAIS!


Não é novidade que os anti-inflamatórios não esteroidais causam graves efeitos gastrointestinais e vasculares. Pesquisadores ingleses e a Fundação britânica do Coração fizeram uma meta-análise com 280 estudos envolvendo anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs), incluse coxibes, versus placebo, envolvendo mais de 124 mil participantes, e 474 estudos que comparam dois AINEs, englobando mais de 229 mil pacientes. A grande maioria dos estudos (99 %) estudaram os efeitos de altas doses de anti-inflamatórios: diclofenaco (150 mg/dia), ibuprofeno (2400 mg/dia) e naproxeno (1000 mg/dia).

Os efeitos observados foram eventos vasculares maiores (infarto do miocárdio não fatal, derrame não fatal ou morte vascular), eventos coronários maiores (morte da coronária); derrame, mortalidade, falência do coração e complicações gastrointestinais (perfuração, obstrução ou sangramento).

A agência americana de controle de drogas e alimentos (FDA, Food and Drug Administration) estipulou que todas as indústrias responsáveis pela produção dos AINES deixasse bem claro na bula os riscos relacionados a doenças cardiovasculares. A agência europeia (CHMP, European Medicines Agency’s Committee for Medicinal Products for Human Use) foi mais incisiva, relatando contraindicação dos coxibes nos pacientes com doença na coronária ou derrame, além da utilização cautelosa em pacientes com fatores de risco para doenças coronárias.

Os resultados dessa meta-análise demonstraram que a utilização, na maioria das vezes incorreta, de altas doses de diclofenaco ou ibuprofeno elevam os riscos cardiovasculares comparados aos da utilização de coxibes. Por outro lado, altas doses de naproxeno parecem ter riscos de problemas cardiovasculares menores.

É importante ressaltar que todo e qualquer anti-inflamatório não esteroidal deve ser utilizado com cautela e sempre com supervisão médica, haja vista que todos elevam os riscos de problemas cardiovasculares e gastrointestinais.


Referência: Coxib and traditional NSAID Trialists' (CNT) Collaboration. Vascular and upper gastrointestinal effects of non-steroidal anti-inflammatory drugs: meta-analyses of individual participant data from randomised trials. Lancet. 2013 pii: S0140-6736(13)60900-9

Nenhum comentário:

Postar um comentário