segunda-feira, 17 de outubro de 2011

DOR NA COLUNA:A INTERAÇÃO ENTRE OS NEURÔNIOS E AS CÉLULAS GLIAIS

Nos últimos anos, por conta do grande desenvolvimento das pesquisas no campo da neurociência, foram introduzidos muitos conhecimentos que mudaram de forma importante nosso entendimento e condutas frente às dores e inflamações da coluna.

Muito do que se fazia antes teve que ser  revisto e muitos avanços foram feitos no campo da bioquímica e farmacologia da dor.

Em fases avançadas do processo de inflamação relacionadas à coluna, temos quadros de inflamação neural, que podem ser mais superficiais ou mais profundos, com lesões estruturais. Com relação a este importante componente, vimos que a inflamação atinge não apenas a função e a estrutura do nervo. Outras células, que antes eram consideradas apenas células de sustentação do parênquina nervoso, são profundamente atingidas e se tornam disfuncionais: as células gliais.
 
As células gliais disfuncionais mantém um processo patológico de dor que deve ser tratado paralelamente ao tratamento dos nervos alterados. Novos tratamentos tem como alvo essas células, e a recente identificação de receptores específicos deve nos levar a novos caminho terapêuticos, mas nossos recursos são ainda limitados, pois nem sempre conseguimos o objetivo de alívio total ou substancial das dores.

Não obstante, no Centro Médico da Coluna Vertebral, estamos atualizados com as últimas pesquisas sobre o assunto e oferecemos o que existe de mais efetivo no tratamento das dores crônicas.


Centro Médico da Coluna Vertebral

Torre Saúde São Mateus
Av. Santos Dumont, 5753, Sala 206
Fortaleza - Ceará - Brasil
Fone/Fax: (85) 3265 8300 e (85) 3242 9263
http://www.centromedicodacoluna.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário